Atendimento em Ribeirão pode ser afetado por reestruturação da Justiça Eleitoral

Cerca de 100 mil eleitores podem sofrer restrição de atendimento nos cartórios eleitorais da cidade, até sexta-feira (1).

Ribeirão Preto - TRE-SP

Até sexta (1º), cerca de 100 mil eleitores de Ribeirão Preto, aproximadamente 25% do total, podem sofrer restrição de atendimento nos cartórios eleitorais da cidade, ficando impossibilitados de realizar o cadastramento biométrico, alistamento eleitoral e transferência de títulos.

O motivo da limitação do atendimento é a extinção da 322ª Zona Eleitoral e redistribuição de parte do eleitorado da  293ª Zona Eleitoral, em decorrência da reestruturação da primeira instância da Justiça Eleitoral determinada pelo Tribunal Superior Eleitoral.

Nos dois casos os eleitores serão remanejados, via sistema, para as outras zonas eleitorais da cidade. A reestruturação não afeta os atuais locais de votação dos eleitores.

Biometria ainda não é obrigatória

Em Ribeirão Preto, o cadastramento biométrico ainda não é obrigatório. No entanto, os eleitores podem se antecipar e agendar o procedimento no site www.tre-sp.jus.br ou nos cartórios eleitorais. Não há unidade da Justiça Eleitoral instalada no Poupatempo da cidade.

Mutirão da Biometria

A Justiça Eleitoral realiza o Mutirão da Biometria nos cartórios eleitorais do Estado de São Paulo nos dias 2, 8, 9 e 16 de dezembro. Nessas datas, o atendimento será por ordem de chegada, das 9h às 18h, sem necessidade de agendamento. O eleitor deve levar documento oficial de identificação com foto, comprovante de residência recente em seu nome e título eleitoral, se tiver.

 

Siga nosso twitter oficial @trespjusbr

Curta nossa página oficial no Facebook www.facebook.com/tresp.oficial

Últimas notícias postadas

Recentes