Dia da memória do Poder Judiciário é comemorado neste domingo (10)

Data foi instituída pelo CNJ

No dia 10 de maio será celebrado, pela primeira vez, o Dia da Memória do Poder Judiciário. A data foi instituída pelo Conselho Nacional de Justiça e remete à criação da Casa de Suplicação do Brasil no Rio de Janeiro, em 1808, pelo príncipe regente D. João, que resultou na independência judiciária do Brasil em relação à Portugal.

A criação da data comemorativa incentiva a promoção de medidas de conservação do acervo memorial dos tribunais. Os arquivos, bibliotecas e museus da Justiça guardam, além de documentos e processos, objetos e móveis que permitem recontar a história da sociedade e do Estado brasileiro. A iniciativa alcança todo o sistema de Justiça do Brasil, incluindo todos os ramos do Poder Judiciário: Federal, Estadual, Militar, Eleitoral e do Trabalho. 

No TRE, a preservação da memória institucional é realizada no Centro de Memória Eleitoral – CEMEL, criado em 1999. Nestes 21 anos de existência, o CEMEL já promoveu palestras, exposições, publicação de livros e produção de documentários dentre outras atividades correlatas à história da Justiça Eleitoral Paulista. 

O Dia da Memória do Poder Judiciário foi instituído pela Resolução CNJ 316/2020.

Assista aos filmes produzidos pelo CEMEL:

“Operários do Voto – Memórias de Um Lugar” (2015)

https://www.youtube.com/watch?v=axbUA0IaPT8&t=1082s

 

“Abrindo a Caixa Branca: Nos Corredores da Justiça Eleitoral Paulista” (2019)

https://www.youtube.com/watch?v=SKEZklBCLJ8

 

Últimas notícias postadas

Recentes