Militares auxiliam no atendimento dos eleitores em 5 cidades

Municípios de Caçapava, Lins, Lorena, Pindamonhangaba e Pirassununga são os envolvidos na ação

Arte

Os municípios de Caçapava, Lins, Lorena, Pindamonhangaba e Pirassununga terão auxílio de militares para atendimento ao público e demais atividades ligadas à campanha da biometria. O acordo é fruto de convênio entre o Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) e o Exército Brasileiro (Comando Militar Sudeste).

As cinco cidades reúnem seis cartórios eleitorais (ZEs 29ª, 67ª, 68ª, 90ª, 96ª e 297ª). Elas foram escolhidas por estarem em fase final de cadastramento biométrico e serem sede de base do Exército. Cada cartório deve receber um mínimo de três militares, que vão trabalhar a partir desta segunda-feira (18) até o final do prazo da biometria, em 19 de dezembro.

Em 2018, entre os meses de abril e maio, 96 militares ajudaram no atendimento aos eleitores em 25 cartórios, no período antecedente ao fechamento do cadastro. O convênio do TRE-SP com o Exército é válido até abril do ano que vem e a intenção é de ampliá-lo, contando com a apoio de militares também no fim do alistamento eleitoral e em mais municípios.

Nesses meses, a demanda do público costuma aumentar, por ser a última chance para quem pretende fazer o primeiro título e para os cidadãos transferirem o município de votação antes do pleito. O fechamento do cadastro está previsto no art. 91 da Lei das Eleições (Lei nº 9.504/1997), que determina que nenhum requerimento de inscrição eleitoral ou de transferência seja recebido dentro dos 151 dias anteriores à data do primeiro turno do pleito.

 

 

Curta nossa página no Facebook www.facebook.com/tresp.oficial 

Siga nosso twitter oficial @trespjusbr 

Siga nosso Instagram @trespjus 

Últimas notícias postadas

Recentes