TSE aprova Plano de Segurança Sanitária para as eleições

Protocolo se soma a medidas anteriores, como dispensa de biometria e horário estendido de votação

TRE-AC Logo Eleições 2020

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) apresentou nesta terça-feira (8) o Plano de Segurança Sanitária, com o objetivo de diminuir o risco de contágio pelo novo coronavírus, nas eleições 2020.

O documento, elaborado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), Hospital Sírio-Libanês e Hospital Israelita Albert Einstein, sob coordenação do TSE, é resultado de reuniões semanais realizadas entre julho e agosto entre o tribunal e as entidades, para preservar a saúde dos eleitores e colaboradores da Justiça Eleitoral.

O plano contempla procedimentos a serem adotados no dia do pleito e um conjunto de equipamentos e materiais necessários para a segurança de eleitores e mesários.

Principais medidas previstas no protocolo de segurança:

- uso obrigatório de máscaras;

- disponibilização de álcool em gel para a higienização das mãos antes e após o voto;

- distanciamento de, no mínimo, 1 metro entre eleitores e mesários;  

- exibição do documento de identidade com foto ao mesário, à distância;

- eleitor levar a própria caneta para assinar o caderno de votação (em caso de esquecimento, haverá canetas higienizadas para uso dos eleitores)

- orientação para que eleitores e mesários com febre no dia do pleito não compareçam aos locais de votação, ou que forem diagnosticados com COVID-19 nos 14 dias antecedentes, devendo apresentar justificativa depois.

Outras medidas já haviam sido tomadas, como a exclusão da identificação biométrica dos eleitores e horário estendido de votação, que será das 7h às 17h, com horário preferencial para pessoas acima dos 60 anos das 7h às 10h.

Para os mesários serão fornecidas 3 máscaras descartáveis, que devem ser  trocadas a cada 4 horas; 1 viseira facial (face shield); um frasco de 100ml de álcool gel para uso individual e frascos de álcool 70% para a limpeza de superfícies.

Todo o material de proteção a ser utilizado foi doado por um grupo de cerca de 30 empresas privadas. Entre os itens, estão quase 10 milhões de máscaras faciais, 2 milhões de face shields, meio milhão de conjuntos demarcadores de chão e 1 milhão de litros de álcool gel.

Serão colocados cartazes ilustrativos das normas de segurança nos locais de votação e seções eleitorais, e também serão distribuídas, por meio virtual, dicas de segurança sanitária aos eleitores.

 

Últimas notícias postadas

Recentes