Rezoneamento

Rezoneamento Eleitoral - TRE-SP

Prezada eleitora,

Prezado eleitor.

Esta mensagem tem por objetivo trazer esclarecimentos sobre o rezoneamento.

A primeira coisa que você deve saber é que o seu local de votação não vai mudar.

O rezoneamento foi uma determinação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Por meio dele, algumas zonas eleitorais foram extintas. Os eleitores dessas zonas serão remanejados para outras. Houve também redistribuição do eleitorado e remanejamento de municípios.

Nos municípios onde havia uma única zona eleitoral e ela foi extinta, em seu lugar será criado um posto de atendimento eleitoral. Nele, serão feitas normalmente as operações de alistamento, transferência de domicílio e revisão de dados cadastrais do eleitor.  

Os eleitores das zonas que forem atingidas pelo rezoneamento não devem se preocupar: no dia das eleições, se dirigirão ao mesmo local de votação. O que vai mudar é o número da zona e da seção eleitoral, que podem ser acessados no site em Local de Votação - Consulta. Ao eleitor, como de hábito, bastará apresentar documento oficial com foto para votar regularmente.

O rezoneamento surge como uma resposta a restrições orçamentárias, ou seja, a falta de recursos públicos leva à extinção de algumas zonas eleitorais. Outro motivo para o rezoneamento é que, para existirem, as zonas eleitorais devem atender a critérios legais, como número de eleitores, tamanho do município, entre outros fatores.

O rezoneamento, enfim, tem por finalidade aliar economia de custos com eficiência na prestação de serviços aos cidadãos, para que a Justiça Eleitoral continue contando com seu respeito e confiança. 

É uma reestruturação das zonas eleitorais do país. Abrange a extinção de zonas eleitorais, o remanejamento de municípios e a redistribuição do eleitorado.

O rezoneamento foi uma determinação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Por meio dele, algumas zonas eleitorais foram extintas. Os eleitores dessas zonas serão remanejados para outras. Nos municípios onde havia uma única zona eleitoral e ela foi extinta, em seu lugar será criado um posto de atendimento eleitoral. Nele, serão feitas normalmente as operações de alistamento, transferência de domicílio e revisão de dados cadastrais do eleitor.

Leia mais em notícia publicada:

Atendimento ao público é interrompido em zonas eleitorais do interior que serão extintas

 

Movimentação de municípios em razão da extinção de zonas eleitorais

Municípios

ZE de Origem

ZE de Destino

1. AGUAÍ

334ª ZE -  AGUAÍ

122ª ZE -  SÃO JOÃO DA BOA VISTA

2. AREIAS

105ª ZE -  QUELUZ

42ª ZE -  CRUZEIRO

3. CABRÁLIA PAULISTA

97ª ZE -  PIRATININGA

159ª ZE -  DUARTINA

4. CRAVINHOS

193ª ZE -  CRAVINHOS

293ª ZE -  RIBEIRÃO PRETO

5. CRUZÁLIA

363ª ZE -  MARACAÍ

290ª ZE -  ASSIS

6. DIVINOLÂNDIA

366ª ZE -  SÃO SEBASTIÃO DA GRAMA

229ª ZE -  VARGEM GRANDE DO SUL

7. DOIS CÓRREGOS

45ª ZE -  DOIS CÓRREGOS

241ª ZE -  JAÚ

8. FLORA RICA

154ª ZE -  PACAEMBU

196ª ZE -  JUNQUEIRÓPOLIS

9. GENERAL SALGADO

168ª ZE -  GENERAL SALGADO

225ª ZE -  AURIFLAMA

10. GETULINA

160ª ZE -  GETULINA

297ª ZE -  LINS

11. GUAIMBÉ

160ª ZE -  GETULINA

297ª ZE -  LINS

12. GUARÁ

338ª ZE -  GUARÁ

60ª ZE -  ITUVERAVA

13. GUARATINGUETÁ

316ª ZE -  GUARATINGUETÁ

48ª ZE -  GUARATINGUETÁ

14. IRAPURU

154ª ZE -  PACAEMBU

196ª ZE -  JUNQUEIRÓPOLIS

15. ITIRAPUÃ

85ª ZE -  PATROCÍNIO PAULISTA

46ª ZE -  FRANCA

16. JOÃO RAMALHO

104ª ZE -  QUATÁ

106ª ZE -  RANCHARIA

17. LARANJAL PAULISTA

209ª ZE -  LARANJAL PAULISTA

142ª ZE -  TIETÊ

18. MARACAÍ

363ª ZE -  MARACAÍ

290ª ZE -  ASSIS

19. MAUÁ

364ª ZE- MAUÁ

217ª ZE - MAUÁ

339ª ZE - MAUÁ

20. MIRANTE DO PARANAPANEMA

238ª ZE -  MIRANTE DO PARANAPANEMA

165ª ZE -  PRESIDENTE BERNARDES

21. NOVA CASTILHO

168ª ZE -  GENERAL SALGADO

225ª ZE -  AURIFLAMA

22. NUPORANGA

235ª ZE -  NUPORANGA

81ª ZE -  ORLÂNDIA

23. OSASCO

285ª ZE - OSASCO

213ª ZE - OSASCO

24. PACAEMBU

154ª ZE -  PACAEMBU

196ª ZE -  JUNQUEIRÓPOLIS

25. PALESTINA

231ª ZE -  PALESTINA

224ª ZE -  CARDOSO

26. PATROCÍNIO PAULISTA

85ª ZE -  PATROCÍNIO PAULISTA

46ª ZE -  FRANCA

27. PEDRINHAS PAULISTA

363ª ZE -  MARACAÍ

290ª ZE -  ASSIS

28. PIQUETE

337ª ZE -  PIQUETE

68ª ZE -  LORENA

29. PIRASSUNUNGA

311ª ZE -  PIRASSUNUNGA

96ª ZE -  PIRASSUNUNGA

30. PIRATININGA

97ª ZE - PIRATININGA

23ª ZE -  BAURU

31. QUATÁ

104ª ZE -  QUATÁ

106ª ZE -  RANCHARIA

32. QUELUZ

105ª ZE -  QUELUZ

42ª ZE -  CRUZEIRO

33.  RIBEIRÃO PRETO

322ª ZE - RIBEIRÃO PRETO

265ª ZE -  RIBEIRÃO PRETO

266ª ZE -  RIBEIRÃO PRETO

34. SALES OLIVEIRA

235ª ZE -  NUPORANGA

81ª ZE -  ORLÂNDIA

35. SANTA CRUZ DAS PALMEIRAS

113ª ZE -  SANTA CRUZ DAS PALMEIRAS

39ª ZE -  CASA BRANCA

36. SANTA ROSA DE VITERBO

173ª ZE -  SANTA ROSA DE VITERBO

133ª ZE -  SÃO SIMÃO

37. SANTO ANDRÉ

262ª ZE - SANTO ANDRÉ

156ª ZE - SANTO ANDRÉ

308ª ZE - SANTO ANDRÉ

264ª ZE - SANTO ANDRÉ

309ª ZE - SANTO ANDRÉ

263ª ZE - SANTO ANDRÉ

321ª ZE - SANTO ANDRÉ

306ª ZE - SANTO ANDRÉ

38. SANTO ANTÔNIO DO PINHAL

120ª ZE -  SÃO BENTO DO SAPUCAÍ

314ª ZE -  TREMEMBÉ

39. SÃO BENTO DO SAPUCAÍ

120ª ZE -  SÃO BENTO DO SAPUCAÍ

314ª ZE -  TREMEMBÉ

40. SÃO JOÃO DE IRACEMA

168ª ZE -  GENERAL SALGADO

225ª ZE -  AURIFLAMA

41. SÃO SEBASTIÃO DA GRAMA

366ª ZE -  SÃO SEBASTIÃO DA GRAMA

229ª ZE -  VARGEM GRANDE DO SUL

42. SERRA AZUL

193ª ZE -  CRAVINHOS

109ª ZE -  SERRANA

43. SOROCABA

357ª ZE -  SOROCABA

342ª ZE -  SOROCABA

343ª ZE -  SOROCABA

356ª ZE -  SOROCABA

44. TAMBAÚ

198ª ZE -  TAMBAÚ

116ª ZE -  SANTA RITA DO PASSA QUATRO

45. TERRA ROXA

203ª ZE -  VIRADOURO

178ª ZE -  COLINA

46. VIRADOURO

203ª ZE -  VIRADOURO

98ª ZE -  PITANGUEIRAS

 

Zonas eleitorais extintas por ordem numérica 

Zona Eleitoral extinta

Providência

45ª Zona Eleitoral – Dois Córregos

incorporada à 241ª Zona Eleitoral – Jaú

85ª Zona Eleitoral – Patrocínio Paulista

incorporada à 46ª Zona Eleitoral – Franca

97ª Zona Eleitoral – Piratininga

remanejamento do Município de Piratininga para a 23ª Zona Eleitoral – Bauru e o de Cabrália Paulista para a 159ª Zona Eleitoral – Duartina

104ª Zona Eleitoral – Quatá

incorporada à 106ª Zona Eleitoral – Rancharia

105ª Zona Eleitoral – Queluz

incorporada à 42ª Zona Eleitoral – Cruzeiro

113ª Zona Eleitoral – Santa Cruz das Palmeiras

incorporada à 39ª Zona Eleitoral – Casa Branca

120ª Zona Eleitoral – São Bento do Sapucaí

incorporada à 314ª – Tremembé

154ª Zona Eleitoral – Pacaembu

incorporada à 196ª Zona Eleitoral – Junqueirópolis

160ª Zona Eleitoral – Getulina

incorporada à 297ª Zona Eleitoral – Lins

168ª Zona Eleitoral – General Salgado

incorporada à 225ª Zona Eleitoral – Auriflama

173ª Zona Eleitoral – Santa Rosa de Viterbo

incorporada à 133ª Zona Eleitoral – São Simão

193ª Zona Eleitoral – Cravinhos

remanejamento do Município de Cravinhos para a 293ª Zona Eleitoral – Ribeirão Preto e o de Serra Azul para a 109ª Zona Eleitoral – Serrana

198ª Zona Eleitoral – Tambaú

incorporada à 116ª Zona Eleitoral – Santa Rita do Passa Quatro

203ª Zona Eleitoral – Viradouro

remanejamento do Município de Viradouro para a 98ª Zona Eleitoral – Pitangueiras e o de Terra Roxa para a 178ª Zona Eleitoral – Colina

209ª Zona Eleitoral – Laranjal Paulista

incorporada à 142ª Zona Eleitoral – Tietê

231ª Zona Eleitoral – Palestina

incorporada à 224ª Zona Eleitoral – Cardoso

235ª Zona Eleitoral – Nuporanga

incorporada à 81ª Zona Eleitoral – Orlândia

238ª Zona Eleitoral – Mirante do Paranapanema

incorporada à 165ª Zona Eleitoral – Presidente Bernardes

262ª Zona Eleitoral – Santo André

incorporada à 156ª Zona Eleitoral – Santo André

285ª Zona Eleitoral – Osasco

incorporada à 213ª Zona Eleitoral – Osasco

308ª Zona Eleitoral – Santo André

incorporada à 264ª Zona Eleitoral – Santo André

309ª Zona Eleitoral – Santo André

incorporada à 263ª Zona Eleitoral – Santo André

311ª Zona Eleitoral – Pirassununga

incorporada à 96ª Zona Eleitoral – Pirassununga

316ª Zona Eleitoral – Guaratinguetá

incorporada à 48ª Zona Eleitoral – Guaratinguetá.

321ª Zona Eleitoral – Santo André

incorporada à 306ª Zona Eleitoral – Santo André

322ª Zona Eleitoral – Ribeirão Preto

território será redistribuído entre a 265ª Zona Eleitoral e 266ª Zona Eleitoral, ambas de Ribeirão Preto

334ª Zona Eleitoral – Aguaí

incorporada à 122ª Zona Eleitoral – São João da Boa Vista

337ª Zona Eleitoral – Piquete

incorporada à 68ª Zona Eleitoral – Lorena

338ª Zona Eleitoral – Guará

incorporada à 60ª Zona Eleitoral – Ituverava

357ª Zona Eleitoral – Sorocaba 

território será redistribuído entre a 342ª Zona Eleitoral 343ª Zona Eleitoral e a 356ª Zona Eleitoral, todas de Sorocaba

363ª Zona Eleitoral – Maracaí

incorporada à 290ª Zona Eleitoral – Assis

364ª Zona Eleitoral – Mauá

território será redistribuído entre a 217ª Zona Eleitoral e a 339ª Zona Eleitoral, ambas de Mauá.

366ª Zona Eleitoral – São Sebastião da Grama

incorporada à 229ª Zona Eleitoral – Vargem Grande do Sul.

Confira os municípios que não terão atendimento no período de 27 de novembro a 1º de dezembro em razão de remanejamento

Município remanejado

Zona Eleitoral (ZE) original

Nova Zona Eleitoral (ZE)

Aspásia

152ª ZE – Jales

ZE - URÂNIA

Brodowski

22ª ZE – Batatais

204ª ZE – Jardinópolis

Cajobi

80ª ZE – Olímpia

171ª ZE – Monte Azul Paulista

Cedral

126ª ZE – São José do Rio Preto

312ª ZE – São José do Rio Preto

Cesário Lange

140ª ZE – Tatuí

355ª ZE – Cerquilho

Dumont

109ª ZE – Serrana

293ª ZE – Ribeirão Preto

Echaporã

290ª ZE – Assis

15ª ZE – Assis

Embaúba

80ª ZE – Olímpia

171ª ZE – Monte Azul Paulista

Florínea

 15ª ZE - Assis

290ª ZE – Assis

Gavião Peixoto

385ª ZE – Araraquara

13ª ZE – Araraquara

Guaiçara

67ª ZE – Lins

297ª ZE – Lins

Guapiaçu

126ª ZE – São José do Rio Preto

312ª ZE – São José do Rio Preto

Ipiguá

268ª ZE – São José do Rio Preto

312ª ZE – São José do Rio Preto

Itapura

88ª ZE – Pereira Barreto

368ª ZE – Ilha Solteira

Lavínia

153ª ZE – Mirandópolis

146ª ZE – Valparaíso

Lupércio

47ª ZE – Garça

180ª ZE – Marília

Mesópolis

152ª ZE – Jales

ZE - URÂNIA

Motuca

 385ª ZE – Araraquara

239ª ZE – Araraquara.

Nova Europa

239ª ZE - Araraquara

13ª ZE – Araraquara

Paranapuã

152ª ZE – Jales

ZE - URÂNIA

Pindorama

179ª ZE – Catanduva

111ª ZE – Santa Adélia

Pinhalzinho

298ª ZE – Bragança Paulista

136ª ZE - Socorro

Redenção da Serra

314ª ZE – Tremembé

128ª ZE – São Luis do Paraitinga

Rinópolis

184ª ZE – Tupã

210ª ZE – Bilac

Santa Albertina

152ª ZE – Jales

ZE - URÂNIA

Santa Gertrudes

245ª ZE – Rio Claro

 243ª ZE – Cordeirópolis

Santa Salete

152ª ZE – Jales

ZE - URÂNIA

Sarutaiá

94ª ZE – Piraju

234ª ZE – Fartura

Tarumã

 15ª ZE – Assis

290ª ZE – Assis

Uchoa

126ª ZE – São José do Rio Preto

312ª ZE – São José do Rio Preto

Urânia

152ª ZE – Jales

ZE - URÂNIA

Vitória Brasil

152ª ZE – Jales

233ª ZE – Estrela D’Oeste

Confira os municípios que não terão atendimento no período de 27 de novembro a 1º de dezembro em razão da redistribuição do eleitorado

Município

Zona Eleitoral (ZE) original

Nova Zona Eleitoral (ZE)

Assis

290ª ZE – Assis

15ª ZE - Assis

Bragança Paulista

27ª ZE – Bragança Paulista             (transferência de parcela do eleitorado)

298ª ZE – Bragança Paulista

Lins

297ª ZE – Lins

67ª ZE – Lins

Mauá

339ª ZE – Mauá                      (transferência de parcela do eleitorado)

365ª ZE - Mauá

Piracicaba

93ª ZE – Piracicaba

(transferência de parcela do eleitorado)

244ª ZE – Piracicaba

270ª ZE - Piracicaba

270ª ZE – Piracicaba

(transferência de parcela do eleitorado)

93ª ZE – Piracicaba

244ª ZE - Piracicaba

Ribeirão Preto

293ª ZE – Ribeirão Preto

108ª ZE – Ribeirão Preto 

265ª ZE – Ribeirão Preto

305ª ZE – Ribeirão Preto

São José do Rio Preto

267ª ZE – São José do Rio Preto (transferência de parcela do eleitorado) 

125ª ZE – São José do Rio Preto

312ª ZE – São José do Rio Preto

125ª ZE - São José do Rio Preto

268ª ZE - São José do Rio Preto

Sorocaba

271ª ZE – Sorocaba         (transferência de parcela do eleitorado) 

137ª ZE – Sorocaba

Perguntas e respostas sobre rezoneamento

O que é o rezoneamento?

É uma reestruturação das zonas eleitorais do país. Abrange a extinção de zonas eleitorais, o remanejamento de municípios e a redistribuição do eleitorado.

 

Que órgão determinou o mais recente rezoneamento?

O Tribunal Superior Eleitoral – TSE, por meio da Resolução nº 23.520/2017 . Cabe então a cada tribunal regional regulamentar, nos Estados, as determinações expedidas pelo TSE. No Estado de São Paulo, o TRE editou as Resoluções nº 413 e 416/2017, para tratar do tema.

 

O que ocorre quando a única zona eleitoral de um município é extinta?

É criado, em seu lugar, um posto de atendimento eleitoral, que fará as operações de alistamento, transferência e revisão de dados normalmente.

 

O rezoneamento altera o lugar onde o eleitor vota?

Não. O eleitor continua votando no mesmo local.

 

O eleitor precisa ir ao cartório se a zona à qual pertence passar pelo rezoneamento?

Se o eleitor estiver quite com a Justiça Eleitoral, não precisa tomar nenhuma providência.

 

O que muda para o eleitor se sua zona eleitoral for extinta?

Passa a pertencer a outra zona eleitoral. O número da seção eleitoral também muda. O eleitor poderá consultar, no site do TRE, os novos dados. Além disso, para votar regularmente bastará que o eleitor apresente documento oficial com foto.  

 

O que motivou o rezoneamento?

Uma das razões para o rezoneamento são as restrições orçamentárias. Por isso, algumas zonas eleitorais são extintas. Outro motivo é corrigir distorções, como excesso de eleitores numa zona e reduzido número em outra.

 

Que canais estão disponíveis para tirar dúvidas sobre o tema?

O site do TRE e ligações para o 148.