Biometria de 1 milhão de eleitores é cadastrada nos primeiros meses do ano

A meta é cadastrar 7.500.000 eleitores paulistas em 2019

TRE-SP_biometria_um_dedo_cadastramento

A Justiça Eleitoral paulista cadastrou a biometria de 1 milhão de eleitores em todo o Estado de São Paulo desde janeiro. O número corresponde a apenas 16,53% da meta para 2019, que subiu de 6 milhões para 7.500.000.

Com a finalidade de atrair as pessoas para fazer o cadastramento biométrico, a Justiça Eleitoral paulista está executando várias ações de atendimento, agendamento e de comunicação. Os cartórios eleitorais espalhados pelo Estado estão oferecendo, por exemplo, atendimento em diferentes locais, tais como: Prefeituras, Câmaras Municipais, fóruns, empresas, escolas e igrejas.

Atualmente o procedimento é obrigatório em 478 municípios paulistas. Os eleitores dessas cidades já serão identificados pelas digitais nas eleições municipais de 2020 e devem fazer a biometria para evitar o cancelamento do título.

Já os eleitores da capital paulista e das outras cidades em que o procedimento permanece facultativo, a Justiça Eleitoral destaca a importância de o cidadão se adiantar e cadastrar as suas digitais com tranquilidade, sem filas, pois em breve o procedimento também será obrigatório. A meta do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) é realizar a biometria de todos os eleitores do Brasil até 2022.

No Estado de São Paulo, 48,62% dos eleitores se cadastraram em um universo de 33.268.448.

Importância da Biometria

O objetivo da biometria é tornar ainda mais segura a identificação do eleitor no hora de votar. O procedimento confirma a sua identidade, prevenindo tentativas de fraude, já que as digitais de cada indivíduo são únicas.

Além do cadastro das digitais de todos os dedos do eleitor, o procedimento envolve a atualização dos seus dados cadastrais, fotografia e assinatura digital.

 

 

Curta nossa página no Facebook www.facebook.com/tresp.oficial 

Siga nosso twitter oficial @trespjusbr 

Siga nosso Instagram @trespjus 

Últimas notícias postadas

Recentes

Sabia, eleitor?

Saiba mais sobre propaganda eleitoral acompanhando a série: Sabia, eleitor?