Colar do Mérito Eleitoral Paulista: nove homenageados na sua 11ª edição

Na tarde desta quinta-feira, 16, o Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) realizou a cerimônia de entrega do Colar do Mérito Eleitoral para homenagear as personalidades que prestaram serviços relevantes à Justiça Eleitoral - categoria especial - , e também os juízes da Casa após completarem um ano de exercício, somando nove condecorados no total.

Sessão solene de entrega do Colar do Mérito Eleitoral Paulista do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo - 16/3/2017

Na tarde desta quinta-feira, 16, o Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) realizou a cerimônia de entrega do Colar do Mérito Eleitoral para homenagear as personalidades que prestaram serviços relevantes à Justiça Eleitoral - categoria especial - , e também os juízes da Casa após completarem um ano de exercício, somando nove condecorados no total.

Em um plenário lotado, o presidente do TRE, des. Mário Devienne Ferraz, saudou o primeiro agraciado, o presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo, des. Paulo Dimas de Bellis Mascaretti, que, nas eleições de 2016, foi sensível às necessidades do TRE, disponibilizando servidores, equipamentos e veículos para o pleito municipal. "Entre o TJ e o TRE há sempre uma justiça de cooperação", afirmou Devienne. Sobre os condecorados André de Carvalho Ramos, procurador regional da república e procurador regional eleitoral de 2012 a 2016, assim como a desª federal Cecília Maria Piedra Marcondes, presidente do Tribunal Regional Federal da 3ª Região, Devienne lembrou que ambos são exemplos de profissionais, citando como exemplo o julgamento de ilícitos eleitorais que foram conduzidos com firmeza e segurança na defesa do livre exercício do voto.

Quanto ao agraciado Alberto Lopes Mendes Rollo, falecido este ano, Mário Devienne Ferraz trouxe à baila o brilhantismo da carreira do advogado eleitoralista, que, segundo ele,  amava o seu trabalho e o defendia com combatividade e sagacidade. Para o coronel Ricardo Gambaroni, comandante-geral da Polícia Militar de São Paulo, Devienne destacou o seu comando firme nas eleições do ano passado, quando instaurou um ambiente de paz e normalidade no dia do voto.

Nas categorias dos juízes do TRE, o desembargador ressaltou a excelência dos julgamentos dos magistrados da Corte que, no ano passado, debruçaram-se sobre 4.300 processos de candidatura, em exíguos quatro meses. "Aqui se cria sólida jurisprudência eleitoral", afirmou Devienne. Os homenageados nessa categoria este ano foram: des. fed. Marli Marques Ferreira, Claudia Lúcia Fonseca Fanucchi, Luiz Guilherme da Costa Wagner Junior e André Guilherme Lemos Jorge (biênio 2014-2016).

Em seu discurso, o Procurador Regional Eleitoral Luiz Carlos dos Santos Gonçalves disse que o momento era de festividade ali no plenário, mas que não havia nada de festivo no nosso momento político, e lembrou as manchetes no jornal que revelam o caixa 2 como reinante no Brasil. "A Justiça Eleitoral tem um grande desafio pela frente para encontrar um caminho de eleições justas sem o predomínio do poder econômico", declarou. Na mesma linha falou Paulo Dimas de Bellis Mascaretti: " apesar de tantas adversidades no país, continuamos sonhando para melhorar os costumes, para prestigiar a ética. Sonhamos com um país em que o voto individual não seja nunca manipulado".

Em nome da Ordem dos Advogados do Brasil - Seção São Paulo - discursou Luiz Silvio Moreira Salata, que ressaltou a alta qualificação dos homenageados e a importante contribuição dos advogados para a consolidação do processo democrático.

Curta nossa página oficial no Facebook www.facebook.com/tresp.oficial

Siga nosso twitter oficial @trespjusbr

Últimas notícias postadas

Recentes

Rezoneamento

Interrupção do atendimento é necessária para reorganização das zonas eleitorais.